Horário de Atendimento:

8:00h - 20:00h

  • pt-br

Telefone:

Alergias de Primavera ou Rinite Sazonal – Saiba Mais

Novidades NOSP - Acompanhe

Alergias de Primavera
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Uma das estações mais bonitas do ano é a Primavera: colorida e cheia de flores. Entretanto, junto com todo esse encanto precisamos conviver com um incômodo: as alergias de primavera, pois o pólen suspenso no ar, mesmo que não percebamos, pode desencadear diversos processos alérgicos, especialmente nas pessoas mais sensíveis.

Embora este tipo de alergia seja bem incômodo, podemos listar algumas dicas de como amenizar e tratar estas crises. Não deixe a alergia acabar com sua primavera, leia este artigo para saber para controlar os sintomas da alergia da primavera.

O que São as Alergias de Primavera

Esta condição também é conhecida como febre do feno e alergias sazonais. À medida em que as plantas liberam o pólen, milhões de pessoas começam a fungar e espirrar. Isto acontece, pois seu corpo sofre uma reação imune quando exposto a diferentes alérgenos, formando assim anticorpos específicos para alergias. Esses anticorpos ficam nas células dos olhos, nariz, pulmões e pele. E da próxima vez que você entrar em contato com um alérgeno específico, seu corpo reage liberando substâncias químicas chamadas histaminas, levando a uma reação alérgica.

Dependendo do que você é alérgico, os sintomas da alergia podem durar até o verão. Isso ocorre porque árvores, gramas e mofo são os gatilhos mais comuns.

Sintomas das Alergias da Primavera

  • Coceira nos olhos
  • Olheiras
  • Olhos marejados
  • Seios da face inchados
  • Coriza, nariz entupido
  • Espirros
  • Garganta arranhando
  • Gotejamento nasal
  • Tosse
  • Comichão na boca, nariz, ouvido e garganta

Estes sintomas são causados pelo pólen que as plantas e árvores liberam nesta estação do ano, alguns tipos de fungos também produzem esporos de mofo. Podem até causar uma crise de asma, em quem já sofre com este problema, além de vir acompanhado pelas rinites alérgicas, e conjuntivite alérgicas.

Quem mais Sofre com as Alergias de Primavera?

Embora a presença de pólen e pessoas com alergias em todos os lugares, alguns estudos comprovam que é nos grandes centros urbanos que as queixas estão mais persistentes. A explicação para isto é que a poluição urbana torna o pólen mais agressivo (contendo uma quantidade maior de proteínas, que o torna ainda mais alérgeno), sendo mais difícil para que as pessoas possam se defender da poluição.

Como Prevenir e Reduzir os Sintomas de Alergias de Primavera

Existem várias alternativas para reduzir os sintomas da alergia da primavera. Algumas delas são:

  • Caso seja alérgico, converse com seu médico para verificar se existe a possibilidade de tomar medicamentos como um anti-histamínico oral, antes dos sintomas iniciais
  • Use purificadores de ar
  • Use aspirador de pó frequentemente, para ajudar a conter o pólen
  • Evite levar o pólen para sua casa, removendo a roupa que usou, e lave tudo antes de usar novamente, lave também o cabelo ao chegar em casa pois pode conter pólen
  • Mantenha as janelas fechadas para impedir a entrada do pólen, principalmente pela manhã, quando a contagem de pólen está em seu ponto mais alto
  • Troque a roupa de cama, a poeira, lave o chão, limpe os móveis, cortinas e estofados.

Existem Tratamentos para as Alergias de Primavera?

Alguns medicamentos podem ser muito eficazes na redução dos sintomas. Pode ser necessário que você e seu médico realizem algumas tentativas para saber qual medicamento serve melhor para o seu caso.

Existem também algumas medidas caseiras que podem oferecer alívio, tais como:

  • Enxaguante salino nasal – A solução salina (água salgada) pode ser aplicada no nariz com uma seringa, isso ajudará a aliviar e abrir as passagens nasais. Esta lavagem deve ser feita com Soro Fisiológico. Veja como fazer a lavagem nasal adequadamente.
  • Inalação de Vapor – Use uma tigela com água quente, cubra a cabeça com um pano e capture o vapor.
  • Vitaminas E e C presentes em frutos cítricos, kiwi, acerola também podem ajudar a combater a alergia.
  • Chá de camomila é um anti-histamínico natural, também pode ser usado os saquinhos de chá escorridos, gelados aplicados nos olhos ajudam a acalmar as inflamações.

Lembre-se sempre de que o acompanhamento com o médico otorrino é a melhor forma de prevenir e tratar sintomas como estes das alergias de primavera.

Referência: Mayo Clinic

Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada. O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.
Dra. Heloisa dos Santos

Otorrino em São Paulo

Tratamento para Apneia, Ronco.. faça um exame. Cuide da sua saúde.
Política de Privacidade/Cookie. Este site não hospeda ou recebe financiamento de publicidade ou exibição de conteúdo comercial. Política de Banners: Não temos publicidade e não fazemos trocas de Banner ou Display. Missão Do Site: prover Soluções cada vez mais completas de forma facilitada para a gestão da saúde e o bem-estar das pessoas, com excelência, humanidade e sustentabilidade.Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada. Os comentários são visíveis a todos. Podem ser alterados ou apagados.